ANP: PRÉ-SAL ‘RESISTE’ A COTAÇÕES DE ATÉ US$ 60
1 de dezembro de 2014
A diretora geral da Agência Nacional de Petróleo, Gás Natural e Biocombustíveis (ANP), Magda Chambriard, afirmou que os projetos de produção de petróleo no País são "robustos" mesmo em situação de queda das cotações internacionais do petróleo. A diretora disse que os projetos do pré-sal "resistem" a cotações de até US$ 60.

The ANP General Director, Magda Chambriard, affirmed that the oil production projects in Brazil are “robust” even with the fall of petroleum’s international price quotations. Chambriard said that pre-salt projects could resist to a US$ 60 quotation.